4.11.11

Irmandade


Hoje, ao fim de alguns anos li uma história infantil, uma história que uma colega minha no primeiro ou segundo ano de universidade me emprestou e disse para ler, "Rosa minha irmã Rosa". Só a li hoje, numa tarde e valeu a pena.
Eu que tenho 5 irmãos e sempre soube mais ou menos o que ali está escrito, hoje constatei mais uma vez a importâancia dos irmãos e o que eles são para nós. Quando temos irmãos, temos a certeza que nunca mais estaremos sózinhos na vida. Há coisas que se partilham só com irmãos, infelizmente não sou próxima de todos, mas dos que sou sei k apesar de tudo somos inseparáveis. Cada um tão diferente, todos tão iguais. Une-nos os valores, a educação, e os sentimentos que nutrimos em comum por tanta gente que é a nossa família.
Ter irmãos é ter sempre alguém para nos ouvir, para nos contrariar, para nos chatear, repreender e aprender junto, alguém que sonha os mesmos sonhos que nós, só por esses sonhos serem nossos, alguém que daría a vida por um sorriso nosso.
Ter irmãos é, de facto, nunca estar só. Enquanto eu tiver irmãos eu terei coragem para arriscar, terei quem ria e chore comigo, terei quem de e para mim fale, terei ali sangue do meu sangue em gente tão diferente de mim e, ao mesmo tempo, tão igual.
Enquanto eu tiver irmãos, eu tenho, literalmente, uma mão cheia de vida :D
(Re)Aprendi também que damos valor ás coisas quando (quase) as perdemos.

"Sonhar todos os países onde hei-de ir com ela.E ter mais força para enfrentar os primeiros-ministros aborrecidos que não querem obedecer às minhas ordens. Só porque a partir de agora eu já não estou sózinha, e é bom não estar sózinha nunca mais.
Recordar o amigo que um dia me disse: «Tudo é importante para o equilíbrio da nossa vida.»
Ouvir mais uma vez o ruído do elevador. Desta vez o ruído certo.
Contar os segundo.
Ouvir a campainha.
A chave que se mete na fechadura.
A porta que se abre.
Rosa.
Rosa, minha irmã Rosa." In, Rosa minha irmã Rosa de Alice Vieira.

Para a C., o P., a L., a P., e a pequenina V., minha irmandade.

(Foto: pés dos sobrinhos I.júnior e I. Pequenas prendas que os nossos irmãos nos dão:) )

1 comentário:

Sofia disse...

Adorooo esse livro... E também o Lote 12, 2º frente (que ou é a primeira parte do Rosa minha irmã Rosa, ou a 2ª lol), e o Flor de Mel. Adorei quase todos os livros que li da Alice Vieira... :)