31.7.12

Esta que vos escreve...

Imagem daqui.

...hoje está com os azeites*. Está com saudades imensas do Gato. Está cansada que se farta. Está farta de determinadas coisas que nunca mudam. Está em dia não. Mas esta que vos escreve amanhã está de folga, e isso é meio caminho andado para a alegria :)

* (conhecem a expressão? É como quem diz hoje está mal-dispostinha)

Hoje reencontrei-me...

Imagem daqui.

...reencontrei-me com uma boa parte da minha infância e fui com ela comer um gelado, e passados sete anos percebi que os laços se mantêm e que as histórias se contam como se ainda ontem tivessem sido contadas. Afinal, há histórias que só nós duas é que as vivemos e por isso mesmo só nós duas as saberemos recordar. Aqueceste-me o coração :)

29.7.12

Meu amor de quatro patas...

... hoje vou deixar de te procurar. Ao fim de duas semanas e meia sinto que "não vale a pena". Sei que se estiveres vivo irás procurar a tua casa e voltar. Porque as gatas que por aí andam vão deixar de ter o encanto com que te conquistaram ou, se por acaso estás noutra casa, ninguém te tratará como foste tratado e amado aqui. Foste o gato que mais marcou a minha vida, quando eu dizia que era a tua mãe eu sentia-o mesmo. Fui a melhor dona que podia ter sido, dei-te o máximo de mimo que consegui e tentei sempre fazer-te as vontades. Tu sabes como nunca ninguém quis que rapasses o meu prato e como eu sempre deixei. És o gato mais inteligente que conheci na minha vida, e vais ficar sempre comigo, aqui no meu coração (e na minha Pandora). Escrevo cada palavra a chorar, com o sabor triste da despedida e com a fé imensa num regresso a esta casa que te espera tanto como se o teu e o nosso sangue fosse o mesmo. Tenho saudades de dormir contigo, agarrado a mim, abraçado ao meu pescoço e tenho saudades que me acordes a meio da noite para te fazer festinhas. Até a avó me acordava para eu não me mexer muito, para não te incomodar. Choro e sofro por ti como há muito nao sofria, e tudo o que me acontece de bom na vida está com um sabor completamente amargo. Desde que foste embora que a casa está vazia...e eu estou tão sózinha. Se estivesses aqui agora aposto que estavas no sofá, nas pernas da minha mãe, aquela que respeitas como ninguém, e eu olhava para ti, fazia-te uma festinha e tu ronronavas. Mas a vida prega-nos partidas, comigo então tem sido uma brincalhona daquelas, e eu não sei de ti, não sei como estás. Tem trovejado e por isso algo me diz que não voltas, mas quando quiseres vem, porque estaremos sempre, mas SEMPRE, á tua espera.
Foste o melhor amigo que alguém pode ter. E neste momento, a tua ausência é uma dor daquelas que me destrói mesmo. Por favor vem, a dona dá-te leitinho e biscoitos :)

(Texto relativamente imbecil, mas que fez deitar um pouco o que sinto cá para fora. A puta da saudade mata que dói e o computador qualquer dia vai a arranjar por excesso de humidade).

Amanhã é o Dia...

Imagem daqui.

Amanhã é dia de festinha cá em "casa". É o Batizado do priminho mais novo :) É dia de animar um pouquinho, espero. As coisas não andam mesmo nada fáceis por aqui, e a vontade de escrever não tem sido muito. Mas depois venho contar como foi :D

26.7.12

Dias dos avós

Imagem daqui.

Tu és a mulher da minha vida. Tu és a minha vida. Tu és a maior parte de mim. Tu és mimo. Tu és exemplo. Tu és coragem. Tu és tão minha que a minha vida só faz sentido contigo. Tu és e serás sempre o meu bem mais precioso e junto com a minha Mãe, és o grande amor da minha vida. A ti devo a minha felicidade. A ti devo muito de mim. Amo-te minha Avó.


25.7.12

Eu abdicava...

...do trabalho bom que tenho (e no fundo vou deixar de ter), das férias que estão a chegar, de uma casa de férias, da roupa nova que comprei nos saldos, da boa nova que está a chegar, do Verão, das noites de esplanada, etc. Abdicava de tudo para que tu voltasses para casa são e salvo. E faz hoje duas semanas. E as saudades de ti e a procura por ti, sem resposta, dão cabo de mim. Sim, abdicava de tudo para que miasses à nossa porta neste preciso momento.

23.7.12

Pssst, venham cá faxavor

Imagem daqui.

Vocês, gente de conhecimento digam-me: preciso de uma casa, para passar férias com o sr meu namorado, no Algarve, ou costa Alentejana, na semana de 13 a 19 de Agosto. Quem tem casa, ou conhece gente que tenha???
Muito agradecida.

Boa semana gentxi

Imagem daqui.

Ontem a noite também se fez acompanhar por um destes. Grande, de uma bola (que eram três), e pela módica quantia de 1€. Leram bem :) Maravilha. Uma doce semana

21.7.12

Voltei...sozinha por enquanto

O gato ainda não apareceu, mas a minha vida tem que continuar. E por isso tenho que voltar a este cantinho que para mim é uma espécie de diário. É possível que os post's não sejam muito interessantes, mas aqui só vem quem quer. Desde que ele desapareceu que todos os dias, sem excepção o vou procurar e choro por ele, mais do que uma vez por dia. Mas todos os dias eu tenho que continuar a comer, a trabalhar e etc. Mas não está a ser fácil :S
Para desanuviar venho mostrar os saldos que habitam aqui por casa :)



Estes três modelitos, mais umas calças de ganga, da Berska. O primeiro é muito mais giro vestido visto que parece uma saia alta com top. A mim, o top fica mais soltinho e por isso gosto mais do que o da imagem. O segundo vestido amo. É rendilhado e pareço ma boneca com ele, em rosa e amarelo, apelar ao bronze. O cinto acho feio, mas nada que não se resolva :)
Da última imagem o que vei comigo foi a blusa, em rosa. É linda e colorida, que eu preciso de cor na minha vida.


O macacão (ou jumpsuit, como queiram) é da Pull&Bear. O padrão ao início estranha-se e depois entranha-se. Eu gosto muito de macacões e por isso este foi uma aposta.

Aproveito ainda para referir que entreguei carta de despedimento no passado Sábado. E isto é uma das boas notícias :) Em breve vem o resto.

Entretanto façam figas para que o meu gatinho tenha ido apenas as gatas e que volte em breve :)

16.7.12

modo: Pausa

Imagem daqui.

É possível que por uns tempos este blog seja alvo de uma pausa. Posso regressar daqui a 5 minutos, para a semana, ou para o mês que vem. Neste momento não é que não me apeteça, mas não tenho muito para dizer. Todas as conversas me conduzem ao gatinho que ainda não voltou e SÓ me apetece falar e chorar isso. Volto mais tarde para contar as novidades boas que também estão a ocorrer, mas para já enquanto espero e desespero pelo meu bebé fico ali no meu cantinho. Até já, espero.

14.7.12


Se soubesses a falta que me fazes e as saudades que tenho de ti vinhas para casa neste preciso momento. E na certa eu ia continuar a chorar, mas de felicidade.

13.7.12

Dizem que ás vezes tudo depende da forma como encaramos a vida e eu acredito que assim seja. Contudo, sou pessimista porque, infelizmente, a vida assim o proporcionou. Sempre, quase sempre pronto, que chega uma boa noticia vem acompanhada de um má. E por muito que eu seja positiva é quase sempre assim, mas é mesmo. E não, não sou eu que atraio com os pensamentos negativos. É assim e pronto. Hoje recebi uma excelente notícia, contudo não estou feliz nem a estou a saborear como ela merecia, estou triste porque desde Quarta-Feira que o meu gato não aparece. E isso destrói-me e já chorei tanto que fui trabalhar de olhos inchados, e na hora de almoço fui para a casa de banho chorar. E ontem à noite chorei na loja. E agora choro enquanto escrevo este post. E desejo de coração que o meu pequenino esteja bem e que volte para o sítio onde é tão, mas tão amado.
Para me mimar, hoje chego a casa e o namorado tinha vindo entregar uma rosa à minha mãe para ela me dar :) Se o meu gato aparecesse a minha vida estava tão bem...anda bebé, por favor :(
Dizem que hoje é Sexta-Feira 13, e eu só preciso de sorte.

12.7.12

Sugestão das boas...

Imagem daqui.

Gent(inha)e, quando experimentarem cuecas numa loja, sejam elas roupa interior ou bikini, deixem ficar as vossas por baixo. É bom para a vossa saúde isto porque, acreditem que tal como vocês, muito mais gente experimenta sem cuecas. E pronto, a modos que não é muito higiénico. Obrigada pela atenção :)

8.7.12

Amo.te, porque me apetece

Imagem daqui.

Ás vezes sou chata e teimosa. Exijo demais e agradeço muito pouco. Mas todos os dias sei que te amo mais e mais. Todos os dias eu sinto que é contigo que o meu futuro faz sentido. Sempre que estou contigo continuo a achar que és o mais bonito, ainda que solte um "hmmm" duvidoso quando vejo uma foto de um rapaz giro. Ao pé de ti é zero. Mesmo que diga que nunca me pagas as compras, eu reconheço que ficas com as folgas intercaladas para uma delas coincidir com a minha, e sou-te grata por isso. Mesmo que diga que tens barba de puto, é a mais gira e a única que gosto de sentir. Todos os dias, quando vou para o trabalho, ao passar no sítio onde apanhava o autocarro para ir ter contigo sinto a saudade dos tempos do nosso início e depois valorizo ainda mais o que nos permitiu chegar até aqui. E por muito que não pareça, todos os dias eu sei-te como um dos meus bens mais preciosos. E todos os dias reconheço o bem que me queres e que me fazes. E é por isso que todos os dias te amo mais. E sim, sei sem qualquer dúvida que é recíproco.

"Já foi há tanto tempo...mas parece que foi ontem".

Amo.te <3

7.7.12

Há dias que me canso taaanto

Imagem daqui.

Viver em casinha da mamã é muito bom. Não ter que me levantar cedo para arranjar a merenda para o trabalho é do melhor. Não ter grandes responsabilidades também me sabe bem. A minha mãe é do melhor que há, porque é mesmo, mas tem dias que estou mesmo farta. Tem um feitío difícil ela, e em teimando com um assunto ninguém a atura. E tem dias que já me cansa isso. Tem dias em que precisava do meu espaço. Tem dias em que precisava de chegar a casa, estender os pés no sofá e não ter ninguém a chatear-me. Desanuviar a cabeça e descançar mesmo. Ás vezes a paciência esgota-se e esqueço a vida difícil que ela leva. Mas caramba...

6.7.12

Um dia...

Imagem daqui.

...pagas-me (ou fazes-me) uma massagem daquelas boas. Porque és tu que me dás cabo das costas :P

4.7.12

Imagem daqui.

E amanhã estou de folgaaaa. Ao fim de oito dias a trabalhar a menina chega amanhã. Para ser perfeito só faltava o namorado ter também, mas como é obvio não conseguiu trocar. E a mim que só me apetecia sair daqui, ir banhar-me e apanhar sol para outro sítio qualquer. Não anda fácil não :/ Mas bem, já disse que amanhã estou de folga já? :)

E já só peço isto. Não sou pessoa dada à rotina "casa-trabalho,trabalho-casa". Buh. E tenho saudades de andar com a minha roupa e o meu calçado de Verão (isto porque tenho farda no trabalho que levo vestida de casa).

3.7.12

Oh faxavor

Não custa nada tentar ganhar uns trocos pois não? E fazerem a boa acção de, ainda por cima, me ajudarem? O site que vos deixo é para preenchimento de inquéritos online remunerados :) Vão lá e registem-se. Aqui.

Obrigadinha

2.7.12

Imagem daqui.

Quando o meu sobrinho I. júnior nasceu eu já namorava com o H. Sempre disse que não queria que lhe chamasse tio, porque as coisas podiam correr mal e não queria essa ligação que, para mim, se tornava ainda mais forte. Hoje, com ou sem tio, eles adoram-se. O I. delira com o H. e diz que ele não é seu tio, e isso não faz falta nenhuma. Eu quando nasci tinha muitos tios e o que não é de sangue era um dos melhores. Ele fez parte da minha vida desde sempre. É o pai dos meus primos/irmãos, é o tio que nunca me chateou a cabeça, é o tio que eu respeito como nenhum, é o tio que esteve sempre lá. Pos-me a minha alcunha e o irmão dele dançava comigo desde sempre. Ele e a minha tia vão seguir rumos diferentes e isso vai implicar uma distância imensa que não vou estar para aqui a alargar-me, mas vai. E eu só quero que esse dia demore a chegar, porque vai ser uma das maiores facadas da minha vida, o dia em que me despedir dele. Porque eu vou fazer com que não seja para sempre, mas no fundo acho que será. E as festas de família terão muito menos piada e eu não terei mais bons parceiros para dançar. Um dia que me case guardo a esperança de que ele venha. E com isto tudo a minha tia significa ainda menos para mim, embora "entre marido e mulher ninguem meta a colher". E tenho pena, porque para mim ele é mais, muito mais, do que a minha tia de sangue. As ligações para serem fortes não precisam de sangue nenhum, e no fundo é isto.
E por tudo isto, este será um péssimo mês. Um mês de amargos (re)encontros.
Imagem daqui.

Ando completamente estoirada. Não folgo desde Terça-feira (ok, não é muito mas vou estar sem folgar até Quinta), a minha loja entrou em saldos e isso implica trabalho a dobrar ou a triplicar ou eu sei lá, com noitada de trabalho incluida. As pessoas ao fim-de-semana andam a passear e eu perco a paciência. Ontem tive uma má notícia em relação a uns tios meus, que me deixou mesmo triste. Hoje o meu gato desapareceu (já apareceu :D) e eu fui trabalhar destroçada. E amanhã vou abrir. Acho que Quinta-feira vou passar o dia entre a cama e o sofá, na beleza das sopas e descanço. Oxalá sr meu namorado consiga trocar as folgas dele :)
Já agora e não tem nada a ver, amei ver José Raposo hoje n'A tua cara não me é estranha.
Boa semana minha gente