28.5.16

E é isso...

Os dias em casa já passaram e o regresso ao trabalho e à realidade não foram fáceis.
O meu sobrinho I. fez a Primeira Comunhão, foi uma festa linda que durou o dia todo e ele estava verdadeiramente feliz.
A minha encomenda do Dresslink continua presa na alfândega por isso estou sem o vestido para o casamento :s
Ontem foi dia de jantar com amigos, um jantar que combinamos fazer todos os meses sem desculpas de nada. Custou a sair de casa, como me custa sempre ultimamente, mas depois soube muito bem.
Desta semana não passa: vou começar a tomar umas vitaminas para o cansaço fisico e psicológico, a ver se não volto aos antidepressivos porque isto não está fácil...

Bom fim de semana minha gente.

25.5.16

O bom...

...de só ter uma folga é...nenhum (obviamente eheh). Mas quando ficas tres dias em casa sabem-te a férias ;D
Como tal ontem foi folga e hoje e amanhã são horas para gozar. Agora pensem tenho uma folga semanal e estes dois dias que vou ficar em casa são horas :P
Mas vamos la aproveitar :)

Tenham um bom dia (sim, acabei de acordar)

21.5.16

Grrrr

Esta blogosfera está cheia de casos de sucesso das encomendas do dresslink. Chega a minha e fica retida na alfandega :( socorrooooooo

14.5.16

Bom fim de semana :)

O meu sobrinho I. já tirou a carta de mota.

A gatinha de rua que vai lá a casa comer teve 5 bebés e já os levou para a caminha que lhe preparei. Confia em nós e deixa-me pegar-lhes e já me deixa fazer-lhe festinhas quando está com eles (grande vitória uma vez que se assustava só com a nossa respiração. Tem a cara toda ferida e so tem um olho...ou foi espancada ou levou com um carro. Já percebeu que nunca lhe faremos mal).

Este mês, em princípio, terei três diazinhos em casa (uma folga seguida com dois dias fe horas para gozar.)

A minha encomenda do Dresslink continua sem chegar e falta menos de um mês para o casamento para onde preciso do vestido :/

Amanhã, lá no Céu, a minha Avó faz anos. Hoje sonhei com ela :(

Bom fim de semana ❤

11.5.16

Ás vezes...

... não percebo onde ficou a menina sempre bem disposta e feliz. Tenho noção que sempre fui uma miúda dramática mas perdeu-se tanto de mim pelo caminho. Acho que eram os sonhos que davam brilho à minha vida. Não é fácil para mim aceitar a rotina do dia-a-dia. Por mais que tente e me esforce. Por mais que meta na minha cabeça que havia gente a dar tudo para ter o meu trabalho e a minha vida... Não, não é fácil para alguém que sonhou ser jornalista (por aprender sempre mais, por não ter um dia igual, por todos os dias serem um desafio ainda que sem horários e apesar de ser um profissão mal paga...) passar seis dias da semana com o corpinho fechado dentro de um shopping, numa loja de gente maioritariamente fútil, onde se passam dias e dias em que não aprendo NADA, em que trabalho 26 dias por mês mas me pagam subsidio de alimentação apenas de 21 e sobre esses ainda me descontam os dias de férias ahah e eu? Calo-me porque estou farta de ser só eu a falar e em vão.
E é isto. Tenho andado em dias não. Há muitos dias que os meus dias são nãos. Perdi a energia e a vontade, os dias que tenho fora da loja (um por semana) tudo o que me apetece é estar sossegada no meu canto por todos os outros passo horas infinitas em pé... Se sou grata pelo que tenho? Sou. Se é fácil e estou feliz? Não.

Desculpem o desabafo.

8.5.16

Aquele momento...

...em que a tua encomenda do Dresslink chega a Lisboa. Weeeeee

Bom Domingo.
Aos que estão em casa: odeio-vos :P
Aos que trabalham: estamos juntos :)

5.5.16

Obrigada São Pedro :)

Ontem foste um Santo muito bem comportado :) esteve um dia lindo que deu para um passeio boooom, visto que estava de folga.
Hoje a chuva voltou e não estou nada ralada com ela eheh

Beijinhoooos

3.5.16

Adivinhem...

...quem era para estar de folga hoje (que está um sol maravilhoso) mas só vai folgar amanhã (com vento e chuva)? Euzinha :/

P.s.: a semana passada aconteceu precisamente a mesma coisa. Grrrr

1.5.16

Feliz dia da Mãe

Todos os dias são Dia da Mãe para quem sabe ser mãe e para quem sabe ser filho. Não é fácil amar incondicionalmente e sofregamente alguém e é assim que eu amo. Tive a sorte de ser presenteada pela vida por duas Mães extraordinárias. A Mãe - Mãe e a Mãe - Avó. Por isso mesmo que há dois anos este dia é tão difícil. Quando se ama não se aceita a perda, não nos conformamos nunca. Talvez os outros dias a gente vá disfarçando mas depois nestes, ai nestes dias.
Engulo em seco hoje as lágrimas que deitei ontem. Vou sair a correr do trabalho para ir comprar uma flor e te levar ao cemitério. Depois vou jantar com a minha Mãe e aproveitar a sorte que é por ela ser minha.
Sim, a vida falhou-me nalgumas coisas mas desde que me tenha dado esta Mãe e esta Avó tudo é suportável.
Hoje tenho tanta saudade que dia nenhum faz sentido. Nada faz sentido sem a minha Avó, mas enquanto tiver a minha Mãe tudo valerá a pena. E é por isso que tudo o que mais desejo são muitos e felizes anos para a minha Mãe, e que os meus filhos tenham a sorte de a conhecer (embora nunca tenham o privilégio de ter uma Avó como a minha).
E sim, o amor de e por uma Mãe é qualquer coisa de estonteante mas o mais bonito e doce dos amores é o dos Avós. E é isso que me dói sempre. Por muito que eu me sinta e seja amada, nunca ninguém me amará de forma tão bonita como a minha bela e doce Avó.

Mil beijos até ao Céu.
Um arroz de pato cá na terra.

<3