Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Novembro, 2018

Da semana que passou

Foi dura a semana que passou. Tive o primeiro elemento da minha equipa a desistir de trabalhar comigo. E sim, custou-me muito, culpei-me, senti-me perdida. Depois percebi que a vida ha-de seguir ainda assim, apesar disto. As entrevistas que estava a fazer para reforço de Natal passaram para um contrato normal e isso muda tudo.
Foi a black Friday e esperei muito muito mais. Foi uma desilusão. Buh.
Tive família de longe por perto, mas por muitos motivos não pudemos estar muito juntos, nem muito felizes.

Que venham dias melhores :)

Vida

Há 19 anos atrás fui tia. Fui tia pela sexta vez, quando já a casa estava cheia de crianças :) fui tia de um menino lindo e tão fantástico. Humilde, simpático, dedicado, trabalhador... distraído e pouco atento a pormenores mas vá, a pessoa esquece essa parte. Este meu sobrinho é de uma ternura e bondade que me enche de orgulho. Há 19 anos atrás, quando fomos visitar a minha irmã e o meu sobrinho ao hospital, visitamos também a minha Avó que estava lá internada.
Há quatro anos atrás, neste mesmo dia que supostamente seria de festa, onde iríamos festejar os 16 anos do meu sobrinho, o dia amanheceu com a pior notícia... tínhamos perdido a minha/nossa Avó.
Naquele momento eu acreditei que, apesar da dor, a vida sabia o que fazia. Tenho a certeza que o dia 26 será sempre um dia onde nos juntaremos todos para celebrar a vida, neste caso concreto a do meu sobrinho. Eternamente a da minha Avó também.

Do Natal

No ano em que a minha Avó morreu, todos fizemos árvores de Natal. Ninguém tinha vontade e todos o fizemos por ela. Não sei em que dia a fiz. Sei que foi a primeira árvore de Natal que fiz em minha casa e sei que foi muito duro. No ano seguinte eu decidi que faríamos a árvore de Natal no dia em a minha Avó morreu. Montar a árvore nesse dia, seria uma forma de trazer a nossa casa a Luz e a Alegria da minha Avó que amava o Natal. No ano passado fui invadida pela tristeza e não a fizemos nesse dia. Acho que não a chegamos a fazer embora me lembre do meu namorado a motivar-me para tal...este ano estou louca por fazê-la já. A morte não é só o dia em que se morre e, como já disse por aqui, o Novembro é-me particularmente difícil. Hoje faz 4 anos que a minha Avó saiu do hospital e foi para o centro de reabilitação onde viria a falecer. Hoje faz 4 anos que peguei no Gato da minha Avó e o levei para a porta do hospital, para que eles se pudessem ver e tocar. Hoje faz 4 anos que a minha Avó foi…

Casa

Talvez seja estranho até porque parece que todo o português sonha ter a sua própria casa... foi algo que nunca quis, que nunca ambicionei, que nunca pensei muito. De há uns tempos para cá fomos ouvindo que o que nós pagavamos pela nossa alugada daria para um crédito, os vizinhos do nosso prédio não nos agradam, a casa em si também não...para o namorado faz sentido comprarmos... assim e perante isto, no passado Domingo e durante esta semana demos início à procura da nossa casa. Meio ao acaso, meio num deixa ver, meio num logo se vê.

 Não queremos apartamento e não há plafond para vivendas, portanto a ver se encontramos a nossa moradia com terraço para o nosso cãozinho e um barbecue :P

O Novembro

O Novembro é-me difícil. Muito difícil mesmo. Estes dias entre o dia em que a minha Avó foi internada, até ao momento em que morreu, são para a minha cabeça e o meu coração, sufocantes. Fico irritada, desapontada, afastada de tudo e todos a lembrar, a recordar, a sentir... foi muito difícil e jamais será possível passar para palavras toda a dor e o quão duros foram aqueles dias. Sentir sempre que não sei se fizemos o certo ou o errado... sentir que era nos nossos colos que a minha Avó devia ter adormecido para sempre... É duro. Tão duro... mas hoje parte um amigo de infância do meu namorado e isto é das coisas mais injustas... trinta e poucos anos, um cancro horrível, negligência médica, pai há cerca de um mês...como é que se aceita algo do género? Quando nos começam a morrer amigos começamos a questionar o sentido da vida... somos todos tão novos, temos todos tanto por viver e, do nada, aparece algo que nos destrói... Novembro ficou mais difícil a partir de hoje, mas certamente o Cé…

A primark...ai a primark

Penso que ninguém é capaz de sair da primark de mãos a abanar, certo meninas? Bem, eu não sou, confesso.
Há algum tempo que a nível de roupa não me identifico muito (sou muito fuinha a dar dinheiro por roupa e as vezes acho que as coisas não valem o que custam) mas estava mesmo curiosa com esta coleção e como precisava de roupa... na verdade e, mais uma vez, não encontrei nada de estonteante mas lá vieram umas coisinhas.
Cá em casa habitam, neste momento, um limpador de pincéis que dá sempre jeito. Não tinha nenhum e por 1.50€ está óptimo. Vou experimentar hoje ;) trouxe ainda 4 máscaras para lábios. Os meus lábios são uns pobres porque eu tiro as peles e twnho lido por aqui maltinha que tem comprado estas máscaras. A 0.75€ dá para experimentar :) foram todas ao mesmo preço, mas a do (parece) pandinha já não encontrei mais. Talvez teste também hoje.
Por fim, duas camisolas bem giras a preços razoáveis. A bordeaux é mais quentinha e tem um fecho dourado atrás que lhe dá um toque difer…

A saga dos presentes de Natal (50% brinquedos)

Acho que toda a gente sabe que sou louca por oferecer (e receber também) presentes de Natal. Já todo o mundo sabe que nós somos uma família muuuito grande, como tal dar presentes à malta toda exige dedicação ahah vou comprando ao longo do ano (SIM, AO LONGO DO ANO). Dou apenas pequenos miminhos e depois há pessoas que recebem coisinhas "melhores".
Este ano são mesmo muitas crianças. Só na família nasceram mais dois babys... costumo aproveitar as campanhas do 50% nos brinquedos, umas vezes nuns hipers, outras vezes em outros. Desta vez foi mesmo ouro sobre azul.
Tinha um prémio de trabalho em cartão Dá (lojas sonae) e assim que o recebi disse logo que era para presentes. Entretanto como estou SEMPRE muito atenta a super preços, a descontos para cartão, etc consegui mega descontos. Para ser mais fácil, por estes brinquedos todos paguei (em dinheiro físico) 5.18€ e acumulei em cartão 31.98€ não é fantástico? :D Tinha dinheiro em cartão, tinha o prémio do cartão Dá e assim numa…

Boa semana

Boa semana. Cheia de coisas boas e bons momentos. Mantas, bebidas quentinhas e sofás apetitosos :)

Se há coisas boas no Inverno...

Se há coisas boas no Inverno (devem ser muito poucas ahah), uma delas é o facto de o nosso Gato se voltar a lembrar que nós somos ser úteis na vida dele. Assim que as temperaturas baixaram começou a aproximar-se mais e está, neste momento, a dormir ao meu colo. Coisa rara. Muito rara.