18.2.17

Vida que segue...

A vida segue todos os dias e nem sempre é fácil. Sinto-me a entrar novamente em depressão e, confesso, que o blog é muitas vezes a minha escaparória. Leio muito por aí e, por isso, sei que é mal comum, mas há fases, sabe-se lá porque que e realmente difícil. Custa-me muito sentir-me infeliz no trabalho, procurar outras coisas e nada. Já para não falar na minha área. Tento ser grata pelo que tenho, mas custa-me verdadeiramente aceitar o que me falta. E nesses entretantos a pessoa que sou perde-se...

Mas bem, já passou a semana do amor. Com um jantarinho bom em casa. Com uma prendinha que não posso revelar mas que gostei muito ;) ehehe
Depois, tendo em conta que ao fim do meu dia de folga a minha patroa decidiu mandar mensagem a dizer que tinha 3 dias de ferias (fantastico ne? Aqui quem manda é ela e é se quero) rumamos até Portalegre (a casa de uns primos do namorado) e voltámos na quinta. Deu para descomprimir um pouco, pelo menos.

Ando muito sensível (TPM a ajudar também), ando frágil, ando perdida. E já li por aí e questionei, confesso. Mas a verdade é que o blog me tem mantido à tona...

9 comentários:

A Pimenta* disse...

Acredito que os dias custem a passar. Fazer o que não se gosta é dose. Mas não baixes os braços, já li blogs de pessoas que como tu não encontravam nada na área e de um momento para o outro, as coisas mudaram. Há que manter a fé e não desistir de procurar um novo caminho!

As Coisas Dela disse...

Tenho sentido muito do que descreves nesse texto, sinto solidão mesmo estando rodeada de pessoas, não me sinto feliz, não me sinto realizada, não me sinto útil... Vontade de fazer alguma coisa não existe! O meu refúgio é mesmo o blog e sei que é algo que me faz muito bem! Esperemos que venham dias melhores... Beijinhos*

Xica Maria disse...

Tenta manter pensamento positivo. Eu sei, eu sei custa muito! Mas acredita que ajuda! Sei bem porque por aí passei.

J* disse...

Acho que qualquer um de nós já se sentiu numa, ou em várias fases assim. Infelizmente ou pelo trabalho, família, relações amorosas... Enfim imensos motivos. Mas lá está, é preciso agarrar algo que nos faça querer mais e melhor. Querer sair dessa fase mais negra. E se o blogue seja de que forma for a tem ajudado então continue. Escreva mais, leia mais, comente mais. O que importa é que lhe faça bem!
https://jusajublog.blogspot.pt/?m=1

Cátia Rodrigues disse...

Querida tem muita força e continua a fazer o que te faz bem sabes? Se sentes que gostas deste mundinho, faz ainda mais!
THE PINK ELEPHANT SHOE // INSTAGRAM //

[B] disse...

Como eu te compreendo querida. Parece que às vezes a vida não faz sentido nenhum... Mas às vezes quando menos se espera as supresas aparecem :)
Beijinhos

Gorduchita disse...

Há que (tentar) manter a esperança de que melhores dias virão, e (tentar) fazer o melhor possível do que se tem.
Acredito que não seja fácil mas... mantém-te à tona... e nada, com força, desse sítio para fora! :)

Maria disse...

Coquinhas há sempre dias mais cinzentos na nossa vida, não podemos é deixar que o cinzento se torne a cor predominante na nossa via.... às vezes custa muito contrariar os dias cinzentos, os problemas e o desanimo mas somos sempre mais fortes que isso!!! Um beijinho grande e um abraçinho muito apertado

♥Cat disse...

Querida Coquinhas, se o blogue te tem ajudado agarra-te a ele. Desabafa, lê, inspira-te. Há fases complicadas. No meu trabalho estou numa situação de desmotivação há algum tempo e sinto-me sem rumo... mas não tenho encontrado alternativas por isso faço como dizes: tento ser agradecida pelo que tenho e mantenho a esperança em dias melhores.
Um beijinho grande!