8.5.12

Sintra (ou mini-férias) # 4




Como eu já disse aqui, esta Quinta da Regaleira, tem recantos únicos mesmo. Parece um conto de fadas em que ao virar da esquina está um sítio que nos fascina ainda mais. E a Quinta da Regaleira é isso mesmo :)



Poço iniciático. Lindo, mágico, único. É tão mas tão surpreendente. Ali ao fundinho ele...a luz da minha vida :)


Grutas, túneis, poços... De tudo um pouco. Num dos poços, o da fortuna ou qualquer coisa do género o sr. meu namorado deixou cair os óculos de sol, enquanto me fotografava. ahah. Foi a comédia (a pior parte foi quando me obrigou a ver de um pau para os apanhar. E não é que conseguiu? :P)

Deuses que guiam o nosso caminho :)
Ao fim deste caminho era o portão, que se encontrava fechado quando o par de jarras (eu e o meu namorado) decidiram sair dali. Apanhei o susto da minha vida. Já me imaginava ali a pernoitar :x LOL

"Concretiza-se com estes cenários a representação de uma viageminiciática, qual vera peregrinatio mundi, por um jardim simbólico ondepodemos sentir a Harmonia das Esferas e perscrutar o alinhamento de umaascese de consciência que viaja pelas grandes epopeias. Nele sevislumbram referências à mitologia, ao Olimpo, a Virgílio, a Dante, aCamões, à missão templária da Ordem de Cristo, a grandes místicos etaumaturgos, aos enigmas da Arte Real, à Magna Obra Alquímica. Nesta sinfonia de pedra revela-se adimensão poética e profética de uma Mansão Filosofal Lusa. Aqui sefundem o Céu e a Terra numa realidade sensível, a mesma que presidiu àteoria do Belo, da Arquitectura e da Música, que a concha acústica doTerraço dos Mundos Celestes permite propagar pelo infinito."

2 comentários:

Sofia disse...

Mais umas fotos bonitas e encantadoras. Belos dias esses. :)
Beijinho*

*C*inderela disse...

está na minha lista de sitios a visitar :)

Bjokas